quinta-feira, 28 de maio de 2015

Estadão apela ao “jornalismo” mais cretino e desprezível para atacar manifestações pró-liberdade

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Atualizado às 02:56 de 28/05/2015

Ontem, 27/5, a proposta de financiamento exclusivamente público de campanha caiu. Excelente. Sabem por quê? Por que, dentre outras formas de aparelhamento estatal para fazer propaganda, o governo petista usa a mídia para fazer campanha para seu partido, mentindo a torto e a direito contra qualquer um que se opuser aos bolivarianos. Isto é conquistado a partir de verbas estatais para anúncios. Alias, uma proposta que a Câmara deveria discutir é o fim do dispêndio de dinheiro estatal em anúncios de qualquer tipo.

Vitória: financiamento privado empresarial aprovado e financiamento exclusivamente público de campanha é derrubado

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Nesta noite, os amantes da liberdade podem saborear uma bela vitória conquistada nas últimas horas de ontem.
O fato é que ontem, 27/5, já no início da madrugada, o Congresso havia rejeitado o financiamento privado de campanha. Porém, no mesmo dia, o deputado federal Celso Russomano (PRB) recolocou uma emenda para votação inserindo na Constituição a permissão das empresas doarem exclusivamente aos partidos – e não aos candidatos, que poderão receber de pessoas físicas. A emenda foi aprovada com 330 votos contra 141.

A verdadeira bravura do Movimento Brasil Livre

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Alto lá!

O que vocês esperavam da repercussão da Marcha, o William Bonner chamando o Kim na porta do Congresso e pedindo uma entrevista? Ou fazendo o JN ao vivo de lá? Ou quem sabe os “especialistas” da GloboNews dizendo com aquele ar grave e mão no queixo que foi um protesto fantástico? Ah, tenham dó!

Quem tem que repercutir a Marcha sou eu, é você, somos todos nós. Ele já fez a Marcha, agora cabe a nós continuarmos de onde ele parou. Ou fazer diferente. Quem saiu da zona de conforto que atire o primeiro post.

terça-feira, 26 de maio de 2015

PSDB continua sendo saco de pancadas do PT

Imagem: Reprodução Redes Sociais

Enquanto uma ala do PSDB apoiou a aprovação de Fachin para uma vaga no Supremo Tribunal, este indicado por Dilma Roussef por ser um eleitor explicito do partido e também ter afinidade ideologica com o petismo e com o MST, essa oposição, que é o desejo de qualquer governo, continua a servir de saco de pancadas de quem diz combater.

Acabou o dinheiro? Quem acabou com o dinheiro, Dona Dilma? Ou foi o gato que comeu?

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Ontem o ministro da fazenda disse que os recursos do governo acabaram. Simples, direto: o Brasil está quebrado. Ou eles avançam mais no bolso do cidadão ou daqui a pouco Dilma terá que vender os lençóis egípcios do palácio no Mercado Livre.

Joaquim Levy foi claro: "o cofre está vazio". Você poderia dizer "e agora?", mas a pergunta relevante é: quem esvaziou o cofre? Algum mágico? Ou foi o PT gastando o que podia e o que não podia, superfaturando, desviando e fazendo uma correria no dinheiro dos outros que esvaziou o cofre?

Altamiro Borges quer prender pessoas que vaiam petistas

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Quando eu aviso que a prioridade deveria ser derrubar o Humaniza Redes (através da recuperação da autonomia da PF para registrar “crimes de ódio”), muitos parecem não levar a coisa tão a sério. A maioria da direita ainda não descobriu que a batalha pelo controle do fluxo de informações é a mais importante de todas para o PT. Alias, isso é algo que não consigo compreender: se a direita está justamente incomodada com a corrupção (denunciando-a em larga escala), porque não gasta uma parte de seu tempo para garantir uma Internet livre, pela qual ela poderá continuar denunciando a corrupção? Infelizmente, ao não perceber tamanha obviedade, a direita se descuida da questão da liberdade de expressão, não se esforça para derrubar o Humaniza Redes e, com isso, poderá um dia ver todos seus esforços de criticar a corrupção indo pelo ralo, até porque terá perdido os meios para denúncia. Mas, enfim, ainda há esperanças de que um dia a direita acorde deste sono tão profundo.

Bizarro: Altamiro Borges irritado com a nudez de Ju Isen

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Quando um blogueiro governista começa a escrever, sempre pensa em algo para atacar seus oponentes. Até aí tudo bem, pois este é um imperativo da guerra política. Porém, o mais patético é quando eles apelam para mesquinharias típicas de crianças birrentas e imaturas. Agora Altamiro Borges resolveu atacar Juliana Ilsen, socialite que tirou a roupa nas manifestações anti-PT, por ter dado champanhe e caviar para seu cachorro em uma entrevista com o intuito de usar o símbolo “Quero um país melhor, uma vida como a minha para todos”.

sábado, 23 de maio de 2015

O desprezo das "autoridades" pelas vítimas da violência

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Um casal de médicos foi assaltado em Santa Catarina. Como os "especialistas" recomendam, entregaram tudo, mas o criminoso atirou neles mesmo assim, tirando a vida de Mirella.

No hospital seu corpo foi fotografado e a imagem espalhada pelas redes sociais. O vilipêndio de cadáver entrou na era do Facebook, mas isso nem é o pior.

Os esquerdistas e as salas de aulas mágicas

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Um crime de grande repercussão transforma logo todo mundo em sociólogo, criminalista ou no Gandhi.

Existe um mito no Brasil de que uma sala de aula é uma tenda mágica que transforma criminosos bestiais em anjinhos que vão passar a seguir a lei. A educação, claro, transforma vidas e dá oportunidades, é necessária e importante para aqueles que só precisam de um empurrão - ou de quem não atrapalhe - para superar sua própria condição.

Os cortes do "governo do povo"


Tira dinheiro da saúde mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro da educação mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro da infra-estrutura mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro do seu bolso mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro da compra de mês mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro da casa própria mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro da sua conta de luz mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro do FGTS mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro dos pensionistas mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro das viúvas mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro dos aposentados mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro do emprego com carteira assinada mas não corta um cargo comissionado. Tira dinheiro até da sua poupança mas não corta um cargo comissionado.

Mas é o governo "do povo".

Por Marcus Vinicius Motta

PT ainda não cumpriu a promessa de expulsar integrantes do partido condenados na justiça


Há quase duas semanas o partido da mentira, o PT, prometeu para os ainda crédulos na santidade da legenda, que expulsaria integrantes condenados na justiça. Você viu José Dirceu e José Genuíno sendo expulsos? O partido, que sempre gostou de posar como aferidor da ética, é o que mais acoberta seus asseclas. Para quem já leu a obra O Príncipe de Maquiavel, já podia ter ideia que se os membros do partido petista chegassem ao poder seriam piores do que seus antecessores. O PT quer fazer os brasileiros de tolos, tratando-os como incautos que facilmente são levados na lábia e nas promessas mentirosas. Quando militantes funcionais perguntarem cadê os panelaços contra adversários do PT, pergunte onde estão os condenados que ele se obrigou a expulsar.

Por Aitofel de Souza

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Barbosa: herói ou petista?

Imagem: Reprodução Redes Sociais

A interpretação tradicional do julgamento do mensalão segue mais ou menos nas seguintes linhas: o mensalão foi um grande crime de corrupção julgado pelo STF. No STF existiam muitos petistas travestidos de juízes e a atuação heroica do Joaquim Barbosa trouxe a condenação dos mensaleiros. Barbosa teve esta atuação apesar de ter sido indicado pelo PT, como a maioria dos seus colegas, mas neste caso não se comportou como um petista. Pois bem, acredito que passamos da hora em que devemos começar a trazer algumas perguntas a respeito desta compreensão do processo.



O voto eletrônico é um "avanço" irreversível?

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Uma notícia que passou despercebida do grande público, mas que foi repercutida no meio jurídico é esta: STF considera que o sistema de voto impresso é inconstitucional.


Ok, de certa forma todos já sabíamos que o STF não seria a instituição a dar uma marcha a ré no temerário sistema de votação exclusivamente eletrônica. Isto já foi objeto de apreciação por parte do Tribunal Superior Eleitoral e a conclusão foi a mesma. 


terça-feira, 19 de maio de 2015

O PSDB faz o programa que deveria ter feito durante as eleições

Imagem: Reprodução Redes Sociais
O início do segundo turno lançava a seguinte expectativa: será que com tempos igualados na TV, o PSDB finalmente vai atacar o PT? Ledo engano. Durante pouco mais de duas semanas vimos o PT dar uma aula de guerra política e desconstrução, enquanto o PSDB ficava prostrado. Podemos dizer que a campanha de TV do PSDB para as eleições foi um verdadeiro crime moral. Como resultado, uma derrota merecida nas urnas, mesmo que por pouco. (Não estou entrando no mérito da questão das urnas, mas avaliando o merecimento de vitória ou não com base em uma campanha)

Mais um petista no supremo e com apoio dos tucanos

Imagem: Reprodução Redes Sociais
O Senado aprovou a indicação do advogado petista Luis Fachin para o STF por um placar de votação de 52 x 27. Embora o governo tenha a maioria no Senado, é importante ficar claro que a dimensão política desse resultado deve ser debitada em grande parte na conta de traições do PSDB. Desde a apresentação do nome de Fachin, o partido não fez um gesto sequer para contestá-lo. Pelo contrário, o partido em nenhum momento se manifestou contra a atuação vexatória de Álvaro Dias em favor do indicado petista. O senador Aécio Neves por sua vez limitou-se a dar um declaração aguada dizendo que considerava a indicação "preocupante". 

segunda-feira, 18 de maio de 2015

FHC nunca enrolou tanto para aliviar para o PT


No vídeo do PSDB a ser exibido amanhã, FHC dirá “nunca antes na história desse país se errou tanto e se roubou tanto em nome de uma causa”.
Duas mentiras logo de cara: (1) O PT não errou e, ao contrário, provocou a crise atual deliberadamente, (2) o PT não roubou em nome de causa coisíssima nenhuma e, ao contrário, usou uma falsa causa para poder roubar mais facilmente.
O discurso de FHC não passa do uso de táticas de atenuação dos crimes petistas. FHC, por que não te calas?
Por Luciano Ayan

Guga Noblat copia métodos jihadistas para se fingir de vítima

Quando eu digo que ao estudarmos a mania esquerdista na América do Norte e Europa para transformar os terroristas islâmicos em “coitadinhos” estamos estudando o mesmo fenômeno que faz a extrema esquerda latino-americana sempre se fingir de vítima enquanto buscam sustentar tiranias, não estou exagerando. Os métodos são sempre os mesmos. Idem para as motivações.

domingo, 17 de maio de 2015

Uma brevíssima história da militância virtual


De uns tempos para cá, quem está atento ao que acontece nas redes sociais percebe algumas mudanças. Vimos a 'zueira' fincar os pés no terreno virtual, nascendo muitas páginas de sátira, de humor, além do habitual humor que randomicamente aparece até mesmo nos grupos mais sérios do Facebook. Vimos também pequenas mudanças no funcionamento destas redes: uma hora o alcance das páginas diminuia drasticamente, em outros momentos voltava ao normal. Vimos o surgimento de propagandas e a monetização do Facebook. Vimos também as pessoas cada vez mais discutirem sobre política no Facebook.


Sindicatos ligados ao PT insuflam greves para desestabilizar adversários


O jornalista Reinaldo Azevedo demonstra com números que sindicatos ligados a esquerdistas fazem greves contra governos que não são do seu agrado. Conforme prova o jornalista, o PT está usando de sindicatos e greves, especialidade de Lula, como forma de desgaste politico de adversários. Corrobora sua afirmação apresentando dados irrefutáveis que greves nada tem a ver com salários, mas se trata de tática de caráter ideológico. Ouça:


Por Aitofel de Souza

Especialista Isabela Mantovani refuta a industria de mentiras fabricadas por abortistas

Imagem: Reprodução Redes Sociais
A especialista Isabela Mantovani apresenta números estatísticos a respeito do aborto no Brasil. Por meio de apresentação de dados sérios de pesquisas, vai refutando as várias mentiras propaladas a favor do aborto pelos desonestos intelectuais, desavisados, extremistas da esquerda e negligentes formadores de opinião. O que resta após cada fumaça desonesta ser dissipada com a verdade são fundações internacionais e empresas picaretas que em busca do lucro não se consternam em ceifar vidas inocentes.




Por Aitofel de Souza

sábado, 16 de maio de 2015

Os luxos da corte das bananas

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Leio o seguinte no Globo: projeto de lei concede auxílio-educação de até R$ 2.860,41 para desembargadores e servidores com até três filhos entre 8 e 24 anos. 

Primeiro o espanto: então um filho de desembargador com VINTE E QUATRO ANOS não tem como trabalhar e pagar os próprios estudos? Precisa ficar pendurado no meu bolso?

Só isso já seria imoral, mas o pior não é nem isso, por incrível que pareça.


Piketty se junta a outros picaretas

Imagem: Reprodução Redes Sociais
O jornalismo está festejando a entrada de Thomas Piketty na London School of Economics, o que seria mais uma chancela para suas contribuições "científicas" ao debate político e econômico. (Ver matéria "Economista Piketty se incorpora à London School of Economics")

quinta-feira, 14 de maio de 2015

PT cria a falsa meta da pureza para blindar-se críticas

Imagem: Getty Images
A rede de lojas Zara foi autuada novamente por não cumprir um acordo em que se comprometia a não recorrer mais ao trabalho escravo em qualquer parte da sua cadeia de produção.

Não preciso dizer que uma companhia espanhola que ainda pensa que está na época do Tratado de Tordesilhas deveria ser simplesmente falida por decreto, ter bens confiscados para pagar indenizações e ser expulsa do país, para servir de exemplo, tal punição seria até branda.

Petistas, deixem os pobres fora disso!


Crédito escasso e mais caro para a casa própria, juros do cartão de crédito chegando a bater 800% em alguns casos, cortes no Pronatec, cortes no FIES, instituições de ensino federais fechando e entrando em greve por falta de verba para segurança e manutenção, demissões, vendas despencando, inflação, cesta básica mais cara, alta de impostos, taxas e combustíveis, saúde abandonada, canteiros de obras em ruínas, sistema de transporte de massa ruim e caro, corrupção endêmica, o pobre endividado, o pobre sem casa própria, o pobre com medo, o pobre continuado pobre.

Convenhamos, a essa altura com o pobre só se ferrando e você aí continuando a defender o PT já dá pra cravar que o interesse não é o pobre, né, irmãozinho?

Continue sendo petista, continue votando 13 - afinal, dane-se o país, né? - mas não diga que é pelos outros.

É por você mesmo. Pela sua safadeza, pela sua cretinice, pela sua teimosia, pela sua vagabundagem, pelo seu orgulho, pelo seu interesse.

Deixe os pobres fora disso.

Por Marcus Vinicius Motta

Temer apela para novilíngua para salvar atrocidades econômicas do PT



Em seu Twitter, o vice-presidente Michel Temer afirmou estar "em reunião com base aliada para tratar das medidas que possibilitam reprogramação da economia. Caro Temer, o que precisamos é que as pessoas sejam deixadas em paz para vender e comprar o quiserem e não que tenham suas atividades reprogramadas segundo os interesses do Governo. Reprogramação da economia, eufemismo para ajuste fiscal, significa colocar a mão pesada do Estado nos bolsos e na liberdade dos brasileiros.

Por Pedro Henrique



Poder Judiciário é o menos transparente dos três poderes no Brasil

Imagem: Pedro França / Agência Senado
Em uma democracia duas condições são essenciais. Uma é que haja liberdade mínima para que as pessoas possam formar suas opiniões sem a coerção do Estado ou de outras pessoas. Esta liberdade mínima é a liberdade de expressão, liberdade de pensamento e a de associação. A outra é a condição de que o Estado represente ao máximo a vontade das pessoas, sem ferir a liberdade mínima citada. Para o Estado representar esta vontade, é necessário que as pessoas possam opinar sobre o que elas acreditam estar certo ou errado no Estado. Para formar esta opinião, as pessoas precisam ser informadas sobre o que acontece no Estado.

Para Temer, puxa-saquismo é critério para escolher ministro de STF

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Vejam esta fala do Michel Temer(PMDB), Vice de Dilma e o responsável de recolocar os arreios sobre a base aliada:
Ele (Fachin) brilhou. Mostrou as suas qualificações jurídicas, pessoais, mostrou uma cultura geral muito grande, uma delicadeza extraordinária no trato com as questões e com as pessoas, uma humildade acentuadíssima, e isso é fundamental para quem vai para um órgão cuja função principal é a imparcialidade, ou seja, não ser parte no conflito.

terça-feira, 12 de maio de 2015

Álvaro Dias mostra o que há de pior na política

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Recentemente Lilian Tintori e Mitzy Ledezma, cujos esposos são presos políticos dos tiranos da Venezuela, estiveram no Brasil. Agora parece que já voltaram ao inferno. Sendo assim peço que faça um exercício mental: imagine que Mitzy resolva armar algo para garantir que o esposo de Lilian, Leopoldo Lopez, fique ainda mais tempo na prisão. Imagine também que Mitzy não vai conseguir aliviar a barra de seu marido com isso. Ou seja, aparentemente ela não está tendo muito lucro com tudo isso. Aparentemente, claro. Se essa traição à causa de ambas (lutar pela libertação dos presos políticos) já não fosse uma afronta, imagine que Mitzy resolva ir a um programa de TV ao lado de Nicolas Maduro para assassinar a reputação de Lilian Tintori e Leopoldo Lopez, bem como de vários que haviam apoiado a causa da libertação de presos até o momento.



O bolivarianismo petista contra Eduardo Cunha (e qualquer opositor)

Imagem: Reprodução Redes Sociais
O PT mostra mais uma vez sua face bolivariana e desmonta a própria narrativa que ajudou a construir de que não tem poder. O PT não só tem poder, como cada vez mais autoritário e antidemocrático. Recentemente, Rodrigo Janot, procurador da República indicado pelo governo petista, atropelou a constituição ao pedir uma autorização para o Ministério Público procurar evidências no gabinete de Cunha. Nem preciso dizer que quem concedeu a autorização, o ministro Teori Zavaski, do STF, também atropelou as leis mais fundamentais de nosso país no processo.

Todos os brasileiros estão livres!

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Sempre procuro ter uma referência literária para as coisas que acontecem no nosso dia a dia. Faço isso porque sei que os grandes gênios humanos que nos legaram narrativas extraordinárias conseguem vem além do alcance, nos auxiliando a entender bem o que se passa bem diante das nossas fuças. Veja a lei que no último dia 8 de maio entrou em vigor, após sanção presidencial, a lei federal nº. 13.117, que institui o Dia Nacional da Liberdade.

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Os tucanos não estão à altura do papel que a população lhes atribuiu

Imagem: Reprodução Redes Sociais
É inaceitável e inexplicável que Aécio Neves​ e José Serra​ estejam ausentes da reunião da Comissão e de Constituição e Justiça do Senado que irá fazer nesta terça-feira a sabatina do militante petista Luis Fachin indicado por Dilma para a vaga do STF. A desculpa esfarrapada de que ambos precisam ir para Nova York acompanhar um evento de homenagem a FHC chega a ser uma afronta aos eleitores, ainda que fosse um evento para canonizar FHC em vida ou nomeá-lo sucessor do Papa.

O que é pragmatismo político? E o que não é?

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Eu comentava em um post do Facebook sobre a necessidade de pragmatismo por parte da direita. Acho que talvez meus comentários estavam emburrados demais, pois alguém perguntou: “Luciano, o que é ser pragmático? Parece que o pessoal não está compreendendo”. Parece que eu estava exigindo algo que uma parte da plateia não compreendia.

ONU Brasil lança nota grotesca contra redução da maioridade

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Li hoje a nota da ONU no Brasil contra a redução da maioridade penal e tenho que dizer o conteúdo é chocante. A quantidade de distorções e falácias em um texto de uma entidade internacional é impressionante. Não só esta quantidade é impressionante, mas especialmente a pobreza da argumentação e do pensamento na nota é de entristecer qualquer um que conhece o que significou o papel da ONU no pós-guerra. 

domingo, 10 de maio de 2015

Hey! Teachers! Deixem as crianças em paz!

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Governos totalitários tem em comum a gana de ter o controle sobre a mente das crianças. Sempre pensaram em ter o domínio da educação para doutriná-las. Observando isso, parece que ateus marxistas e humanistas possuem mais fé na Bíblia do que muitos cristãos e conservadores, pois nos documentos do antigo testamento há um trecho em provérbios dizendo "Instrua a criança segundo os objetivos que você tem para ela, e mesmo com o passar dos anos não se desviará deles". (Provérbios 22:6 NVI ) 


As eleições em uma civilização

Imagem: Reprodução Redes Sociais
Horas depois de encerrada a votação nas eleições gerais no Reino Unido (07/05/2015), o país ainda não conhecia o resultado final. Como o voto é distrital, os resultados iam chegando aos poucos, conforme as cédulas de papel eram contabilizadas.

Outros países desenvolvidos como Alemanha, França e Bélgica também não confiam o resultado de suas eleições exclusivamente ao voto eletrônico. Mas pra que exagerar e citar apenas esses? Nem o EQUADOR achou prudente utilizar as geringonças brasileiras e adotou modelos de segunda geração que imprimem um comprovante para recontagem posterior.

No Brasil, os ratos tocam a flauta para Hamelins se afogarem.


Para quem está acostumado com minhas análises de discursos políticos e de acontecimentos importantes, este vai ser um texto um pouco diferente. Vemos nos ultimos meses (anos?) o crescimento de uma verdadeira oposição ideológica, uma oposição que de início era apenas cultural e agora assume as primeiras formas de militância. A direita, ressurgida das cinzas, alça novamente vôo com as asas da liberdade e da prudência sobre o Brasil. Porém, ela não está forte o suficiente para enfrentar o bolivarianismo, uma forma de socialismo latino-americano que mistura populismo com características da antiga União Soviética. Pelo menos, este parece ser o caso considerando a situação desfavorável para o PT.

Depois de não ter coragem de encarar as esposas de presos políticos venezuelanos, Dilma podia atualizar seu currículo


Dilma se recusou a receber as esposas dos presos políticos da ditadura venezuelana que estiveram no Brasil esta semana denunciando os crimes de prisão ilegal e tortura praticados pela ditadura socialista de Nicolas Maduro, que é apoiado incondicionalmente pelo PT.

Agora Dilma pode fazer um upgrade de seu curriculum: de suposta vítima do regime militar brasileiro, ela pode incluir o de apoiadora e avalista de um regime de ditadura que persegue, prende, tortura e mata seus oponentes.

Por Paulo Eneas

As ofensas de um burocrata bolivariano ao Senado brasileiro

Um representante da ditadura socialista da Venezuela chamado Tarek Willian Saab esteve esta semana na Comissão de Direitos Humanos do Senado a convite do PT e do PSOL, os dois partidos que apoiam o regime assassino do ditador Nicolas Maduro. Durante sua fala, o burocrata do estado venezuelano, transformado num aparatchik composto por esquerdistas e narcotraficantes e pessoas ligadas ao terrorismo islâmico, proferiu uma série ofensas ao Senado brasileiro. Até o momento a instituição do Senado não deu uma resposta a estas ofensas, apesar de ter votado nesta mesma semana uma resolução condenando as prisões políticas no país vizinho. 

Uma ótima entrevista de Kim Kataguiri a Ton Martins


Antes de ir para a Marcha pela Liberdade Kim Kataguiri deu uma entrevista a Ton Martins, do Portal Debate Liberal. Entre os vários assuntos estão a Marcha Pela Liberdade, os subsídios para ditaduras, o embate com Jean Wyllys, os escândalos de corrupção do PT, estelionato eleitoral, a oposição frouxa do PSDB e daí por diante. Vale a pena. Vídeo abaixo:


Por Luciano Ayan

sábado, 9 de maio de 2015

As desculpas esfarrapadas para (tentar) esconder a confissão de Lula a Mujica

Adicionar legenda

O burburinho dos últimos dias tem sido a confissão explícita de Lula a Mujica em relação à culpa do primeiro no Mensalão. O que se seguiu daí foi um show de desculpas esfarrapadas, envolvendo até um dos autores do livro e o próprio Mujica, tentando inocentar o ex-presidente.



sexta-feira, 8 de maio de 2015

70 anos do fim da segunda guerra e 116 do nascimento de Friedrich August von Hayek


Imagem: Reprodução Redes Sociais
Por Luiz Aguiar

Hoje, dia 8 de maio, fazem 70 anos do final da segunda guerra, que foi um período terrível para os defensores da liberdade, vivendo entre tipos diferentes de socialismo (fascismo e marxismo).

Mas também é o dia do nascimento de um dos maiores defensores do liberalismo clássico, o austríaco Friedrich August von Hayek, que foi um dos protagonistas do debate econômico dos anos 30 e 40 com John Maynard Keynes. Ele é o autor do livro O Caminho da Servidão, que alertava as sociedades ocidentais do perigo do socialismo dentro do próprio ocidente (notavelmente, os trabalhistas da Inglaterra eram um dos alvos de Hayek). 

Uma de suas idéias centrais é a de que planejadores estatais centrais da economia jamais conseguiriam atender a demanda de milhões de decisões individuais feitas pelas pessoas.

Abaixo temos um interessante documentário acerca da vida do pensador liberal austríaco:


quinta-feira, 7 de maio de 2015

Procura-se um pouco de dignidade no PT


Ontem foram distribuídos vários cartazes de "procurados" citando lideranças do PT. Era, obviamente, uma piada muito bem bolada com o fato de que o PT estava roubando o seguro-desemprego, o abono, o seguro-defeso e parte das pensões das viúvas. A recompensa seria "um país melhor". 

Diante desta piada, o PT decididamente resolveu agir feito um partido estúpido. talvez tentando impressionar os incautos. Tomara que não de certo. Eles vão entrar com uma ação para que a Justiça apreenda e descubra a autoria destes cartazes. 

O presidente do diretório estadual do partido em São Paulo, Emídio de Souza, o PT disse que o lançamento dos cartazes é uma ação "covarde e fascista". Anote aí um novo significado para fascismo: mencionar o golpe fiscal dado pelo PT contra os trabalhadores.

Esse é o PT. Dá golpe fiscal e finge ser um crime lançar cartazes humorísticos citando o golpe. A emenda vai ficar pior que o soneto. 

Por Luciano Ayan

Dilma emula o machismo de Jandira


Mais uma ilusão (não minha) se desfaz como uma miragem: o mito de que o PT é contra o machismo. Ao contrário. É o partido mais machista da política nacional. 

Uma prova disso está no machismo da deputada do PCdoB (ou seja, braço do PT) Jandira Feghali, que lançou uma falsa acusação de machismo no deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF) que no plenário disse uma das expressões mais igualitárias possíveis: "mulher que bate como homem tem que apanhar como homem". Observe que Fraga não falou em bater em mulher que bate como mulher, mas bater como homem em mulher que bate como homem. Qualquer pessoa honesta irá reconhecer que isso significa falar de tratamento igualitário. 

Não para Dilma, que concordou com o teatrinho ridículo de Jandira Feghali. Segundo Dilma, Fraga faz política "com base no sexismo e no machismo". Nada disso. Machismo é buscar tratamento diferenciado para alguém somente por ser mulher. 

Enfim, mais uma máscara do PT caiu. É um partido de machistas e Jandira e Dilma desonram as mulheres. Com certeza, as duas não as representam. 

Por Luciano Ayan

Um relato de doutrinação ideológica

Acabo de receber mais um relato de doutrinação ideológica num dos mais tradicionais colégios do Brasil, de classe média alta, localizado na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro.

Uma estudante contou para o pai que seu professor de geografia fez uma comemoração em sala de aula para celebrar o aniversário do furunculoso Karl Marx. O principal intelectual da ideologia que matou mais de 100 milhões de pessoas no século passado completaria 197 anos anteontem, 5 de maio.

Aleluia dá desculpa furada para traição: "Voto contra o governo, mas não contra o Brasil"


Ontem, oito deputados do DEM votaram a favor do golpe fiscal. Entre eles, está o baiano José Carlos Aleluia, que surgiu com uma das piores desculpas esfarrapadas já vistas: "Não sou de me furtar em matéria polêmica nem de fazer demagogia com meu voto. Sempre fui e continuo sendo oposição ao PT. Voto contra o governo, mas não contra o Brasil.”

Mentira. Na verdade qualquer voto pelo golpe fiscal é um golpe contra o Brasil. Os motivos pelos quais Aleluia traiu seus eleitores eu não sei. E não estou interessado em seus motivos, pois isso me levaria a especulações bem desagradáveis. Mas que é traição não há dúvidas. 

Se os deputados do DEM e do PSB tivessem votado de forma integral contra o golpe fiscal, o PT perderia. E aí sim teria que cortar despesas, muitas delas de corrupção e aparelhamento estatal, assim como ministérios excessivos e cargos comissionados que só servem para manter o projeto de poder do partido. Ao aprovar o golpe fiscal, o DEM ajudou que o PT possa continuar torrando nosso dinheiro para manter o poder. 

Aleluia, você deve muitas, mas muitas desculpas ao eleitor. E, sim, você praticou traição. 

Por Luciano Ayan

Dilma foge de encarar mulheres de opositores venezuelanos


Com Dilma, é uma vergonha atrás da outra. Ela não recebeu as mulheres de opositores sequestrados pelo governo de Maduro, Lilian Tintori (esposa de Leopoldo López) e Mitzy Ledezma (esposa de Antonio Ledezma, prefeito de Caracas), além de Rosa Orozco, cuja filha foi assassinada pelas tropas bolivarianas de Maduro durante manifestações. 

Covardemente, Dilma convocou o diretor do departamento das Américas, Clemente Baena Soares, para falar com Lilian, Mitzy e Rosa. 

Este é o status moral de Dilma: não tem como sequer olhar nos olhos dessas três mulheres. Dilma hoje já sabe que sua autoridade moral é zero. Se ela já pode se exibir como "vítima de ditadura", agora ela é patrocinadora de ditaduras. 

À Lilian, Mitzy e Rosa que fiquem as desculpas de todos os brasileiros de caráter: "Desculpem-nos por ter uma presidente tão indigna, tão desonrada e tão moralmente depravada a ponto de nem sequer ter coragem de olhar nos olhos de vocês três. A presença de vocês nos honra e somos agradecidos pelo alerta das monstruosidades que Maduro tem feito na Venezuela. E sabemos que alertas como esses serão necessários para que Dilma não consiga cometer as mesmas atrocidades por aqui. É por isso que ela fugiu. Vocês denunciam as intenções do PT". 

Por Luciano Ayan

Dica de como enquadrar o PT no golpe fiscal


Cunha já percebeu que os petistas cumpriram só 80% do acordo. O PT havia combinado o apoio ao golpe fiscal, mas permitiu que 10 de seus deputados fugissem da votação. 


A melhor coisa a fazer com um partido tão desonesto e cínico quanto o PT é estabelecer um sistema de metas, igual fazem as organizações sérias. 

Algumas regras podem incluir exigência de um mínimo de 95% de presença de deputados petistas. Caso não se cumpra este requisito, não há votação. Outro requisito é definir que a cada voto petista contra, os cinco próximos votos do PMDB seriam também contra. E assim por diante, o PT poderia trabalhar sob pressão. Isto não deve valer apenas para o golpe fiscal, como para qualquer outra proposta petista. 

Caso não seja feito um "trato" assim com o PT, eles vão armar uma atrás da outra. 

Por Luciano Ayan

Cadê o panelaço para os professores do Paraná? Vamos buscar...


A extrema esquerda pergunta: "Cadê o panelaço dos coxinhas em prol dos professores do Paraná?". Talvez esteja no mesmo lugar onde está o panelaço dos bolivarianos brasileiros sobre os regimes bolivarianos, assalto aos cofres da Petrobras, agora, do golpe contra os direitos trabalhistas dado pelo PT.

Por Luciano Ayan

Obcecado pelo poder no STF, Fachin quer falar com Malafaia


É claro que a atitude de Fachin esconde muita coisa: não é normal alguém se rebaixar de forma tão desonrosa e tão indigna quanto tem feito Luiz Fachin em busca da vaga no STF. Isto nos diz apenas uma coisa: há muito em jogo com a possibilidade dele chegar lá. Parece até filme de máfia, onde o chefão siciliano disse: "Assuma uma posição no STF urgentemente. Contamos com sua presença lá". 

Tudo que envolve o PT no poder é isso: o desespero para a manutenção de advogados e representantes do partido dentro de postos no estado, para, enfim, sustentar o projeto totalitário. Em sua rota de desonra, Fachin agora quer conversar com Silas Malafaia, que gravou um vídeo contra sua nomeação. 

Tomara que Silas não o receba. Se alguém disser que isso é deselegante, basta lembrar que o goleiro Aranha não recebeu a torcedora Patrícia, que o xingou de macaco, abrindo o precedente. Mesmo errada, Patrícia constitui um risco à nossa nação muito menor do que Fachin. E os crimes do MST estão na classe do terrorismo, indo muito além de um xingamento. Por favor, Malafaia, não receba este sujeito.


Por Luciano Ayan

PMDB vira o jogo e faz PT pagar o preço do ajuste fiscal


Há algumas horas tivemos uma belíssima virada de jogo por parte do PMDB. Como Lula havia armado com a CUT uma encenação, para fingir que eles seriam contra o ajuste fiscal, o PMDB recuou e não votaria caso o PT não formalizasse o apoio. Resultado? O PT formalizou o apoio, mas disse que não puniria os que não votassem. Pois Eduardo Cunha definiu a opção pelo voto nominal, onde todos ficariam expostos. Conclusão: a maior parte dos petistas teve que votar pelo ajuste, retirando dos trabalhadores recursos do abono salarial, seguro defeso e seguro desemprego. 

E tem mais. Durante o dia soubemos que Lula, que encenara discordar do ajuste, ligou para o líder do PT na Câmara, José Guimarães(PT-CE). Suas palavras: "Ele (Lula) perguntou como ficou a posição dos partidos. Disse que estava acompanhando e que a proposta era fundamental para o governo. Pediu ainda para seguir firme”. Sentença definitiva: o PT de Lula traiu os trabalhadores. 

A cereja do bolo veio com membros de partidos como PSDB e DEM cantando "O PT pagou com traição a quem sempre lhe deu a mão!". E enquanto isso as galerias, repletas de membros da Força Sindical, gritava: "Fora PT". 

Agora é hora dos bolivarianos pagarem o preço não só pela crise, como pela sucessão de mentiras e cinismos. 

Por Luciano Ayan
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UOL Cliques