sábado, 2 de maio de 2015

Marta será a candidata que saiu do PT, mas o PT não saiu dela


Imagem: Reprodução Redes Sociais
Agora é um fato que Marta Suplicy é a opção da extrema esquerda para concorrer à prefeitura de São Paulo em 2016, após ter dado um chute nos fundilhos do PT dias atrás. 

A matéria do Brasil 247 intitulada "Ex-prefeita divide o campo popular, toma votos do PSDB e faz isso sem brigar com o ex-presidente Lula" é, porém, muito relevadora.

Veja abaixo:


O partido do PT é o mais rejeitado em São Paulo. Enquanto ainda não consegue ocultar o nome da sigla do partido por uma coalizão eleitoral, melhor então usar no momento a sigla do PSB. Já que Marta se aproveita pra ganhar votos da maioria dos paulistanos criticando o partido petista, diante do qual a população já tem nojo pela corrupção. Enquanto faz severas críticas ao partido, alivia para seu criador, Lula. Claro indício de jogada política das mais sujas. Como qualquer petista ela sente que o poder é um afrodisíaco supremo. Para mantê-lo, se necessário for corta-se o braço, mas preserva-se o resto.

Por Aitofel de Souza
Comentários
0 Comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UOL Cliques