quarta-feira, 29 de abril de 2015

Organizações ligadas ao PT começam a aparecer no Petrolão


Imagem: Reprodução Redes Sociais
Por Pedro Henrique

Assim como o ditado 'tal pai, tal filho', a CUT (Central Única dos Trabalhadores), entidade filha do PT, está envolvida com corrupção encontrada pela operação Lava Jato. Uma editora ligada a CUT recebeu o pagamento 2,4 milhões de reais, pagamento que o MPF (Ministério Público Federal) descobriu ser uma forma de esconder propina do Grupo Setal destinada ao PT. Oficialmente, esta editora tem vínculos com o Sindicato dos Bancários de São Paulo e com o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, e estes sindicatos por sua vez são ligados a CUT.

As evidências foram tão fortes que mesmo com a má vontade típica que vimos em Rodrigo Janot finalmente foram descobertos estes crimes envolvendo o braço pelego do PT. Para quem não se lembra, Janot é o procurador geral da república, cargo chefe do Ministério Público Federal nomeado por Dilma, que adotou critérios duvidosos e contraditórios para incluir políticos que são considerados inimigos pelos petistas, e deixou de fora petistas importantes que foram citados diversas vezes por pessoas que fizeram delação premiada.

A descoberta do envolvimento da editora não foi por que Rodrigo Janot e o MPF tiveram um surto de decência e resolveram investigar seriamente aliados do PT. Tenho certeza de que no MPF deve ter sim pessoas decentes, mas são os líderes e chefes que são as pessoas com mais poder de determinar o funcionamento de uma instituição, e Rodrigo Janot, ocupante do cargo máximo do MPF, certamente não está interessado em tomar ações que prejudiquem o PT. Aliás, é bem provável que ele aja para inibir qualquer ação dentro do MPF que prejudique o PT.

O envolvimento da editora com a lavagem de dinheiro pode levar ao seu fechamento, bem como o fechamento do Sindicato dos Bancários de São Paulo e o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC. Conforme forem avançando as investigações, saberemos se a CUT está diretamente envolvida ou não. Caso esteja, é dever político da oposição e principalmente da direita denunciar este envolvimento o máximo possível e talvez pedir o fechamento da CUT.

Considerando que a CUT é uma entidade com menos poder que o PT, é mais provável conseguir este fechamento do que o fechamento do partido por causa do Petrolão. O fechamento da CUT pode acabar com um dos pilares históricos do PT, enfraquecendo seu poder político. Também poderia abrir precedentes para investigar outros sindicatos e centrais sindicais. É necessário levantar a ideia de criar uma CPI dos sindicatos.
Comentários
0 Comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UOL Cliques