terça-feira, 21 de abril de 2015

Dilma sanciona aumento do fundo partidário, mas o grande artista é Lula


Imagem: Reprodução Redes Sociais
Por Aitofel de Souza

Na empreitada do sagaz Lula de se desassociar de Dilma Roussef,  há uma grande jogada. A ideia, com o consentimento da presidente, é entregar o governo para o PMDB. Este assume todo o bagaço deixado pelo PT, para que o mantenha até as próximas eleições. 


A ideia é evidente: querem passar a imagem que Lula e o PT é uma coisa e Dilma é outra. Isso para limpar a barra dele, pois o esperto que sempre esteve orientando seu fantoche, agora acha melhor agir para sub-comunicar que os erros e o desgaste do PT ocorreram na gestão de Dilma, e por isso, o partido e Lula não tem nada com isso. 

Lula quer sair como herói. A situação atual de Dilma Roussef está muito feia. A solução é entregar  50% do governo para o PMDB e que este  faça por onde segurar o partido até as próximas eleições.

Por isso vemos Lula incentivando os trabalhadores a fazerem oposição ao governo Dilma. Dessa forma, ele se apresenta como se nada tivesse com isso. Já está iniciando sua campanha para seu retorno como sindicalista.

O aumento do fundo partidário sancionado por Dilma é só continuação dessa tentativa bilateral de interesses.


Dessa gente desconfie até do andar. 
Comentários
0 Comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UOL Cliques