terça-feira, 17 de março de 2015

Oposição unida exige que Dilma seja investigada


Foto: Revista Forbes
Por Thiago Cortês

Há alguns dias o PPS tomou a corajosa e ousada iniciativa de apresentar uma petição no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o ministro Teori Zavascki autorize a abertura de investigação contra a Dilma Roussef no Petrolão.

Originalmente, a petição encaminhada ao ministro Teori era uma iniciativa do deputado federal Raul Jungmann com apoio da cúpula do seu partido, o PPS. Os tucanos, mais uma vez e sempre, ficaram para trás. Porém, criaram coragem e decidiram engrossar o coro dos descontentes:
O que se pretende agora é potencializar a ação a partir da adesão conjunta das forças políticas que se opõem ao governo. Depois das manifestações de 15 de março, PSDB e DEM decidiram endossar a tese jurídica sustentada na peça do PPS.  Fonte: UOL
Agora até mesmo nosso oposicionista-de-janela, Aécio Neves, falou da importância da petição do PPS e da necessidade de se acompanhar "com lupa" a investigação sobre a conduta de João Vaccari Neto, tesoureiro e, segundo delatores, coletor de propina do PT:
Foi o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, quem pediu ao ministro Teori a exclusão de Dilma do rol de investigados. Ele sinalizou a existência de uma proibição constitucional contra a abertura de processos contra o presidente da República, durante o exercício do mandato, por fatos não relacionados à sua gestão. 
A petição apresentada pelo PPS, e agora reforçada pelos demais partidos de oposição, oferecer uma interpretação diferente de Janot. Nela Raul Jugman coloca Dilma no centro do Petrolão como "beneficiada":
“É uma questão que não pode simplesmente ser deixada à margem de qualquer investigação, sob pena de se arrasar com a credibilidade institucional da República brasileira'', anota a ação do PPS. “Não há como se ignorar que os fatos narrados estão diretamente relacionados a Dilma Rousseff, a qual foi, nos termos narrados por Paulo Roberto Costa, diretamente beneficiada pelo desvio de recurso público, pois este serviu para financiar a sua campanha presidencial.''
E enquanto isso temos que atuar um humorista inglês morrendo de rir do fato de que Dilma não está sendo investigada ainda. Cabe a oposição corrigir este absurdo que nos humilha perante o mundo.
Comentários
0 Comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UOL Cliques