domingo, 15 de março de 2015

Nossas manifestações são e continuarão sendo pacíficas


Imagem: Júlio César Guimarães/UOL
Por Paulo Eneas

Acuada pela pressão da sociedade civil mobilizada, a presidente Dilma vem repetindo esses dias, possivelmente orientada por seus marqueteiros, preocupação com supostos atos de violência nas manifestações de hoje. Trata-se de uma clara manobra política, baseada na mentira, que é a marca registrada desse governo, e temperada com o cinismo típico da esquerda. Não há razão alguma para a presidente falar sobre possíveis atos de violência nas manifestações da oposição. Ela sabe disso, o PT sabe disso. Mas preferem ignorar a realidade e insistir numa ideia que não tem base alguma.

Desde o ano passado, todas as manifestações dos brasileiros e brasileiras que se opõem ao PT e ao governo Dilma são cem por cento pacíficas. Não houve registro de um único incidente sequer. E este blog desafia o governo e o PT a mostrar alguma ocorrência de violência que justifique essas falas da presidente.

As manifestações da oposição são pacíficas, ordeiras, não promovem depredação de patrimônio público ou privado, não agridem o direito de ir e vir de outras pessoas. Em nossas manifestações a polícia é aplaudida, muitas mulheres manifestantes levam flores aos policiais, pois entendemos que a polícia é a democracia fardada, aquela que garante a lei e a ordem e o livre direito de manifestação democrática e pacífica. E nesse domingo não será diferente. As manifestações desse domingo serão ordeiras e pacíficas, porque essa é a vontade, o desejo e a decisão dos milhões que sairão às ruas.

Se a presidente Dilma está mesmo preocupada com violência em manifestações, então ela tem que mandar um recado para o PT e seus aliados de esquerda, pois é nas manifestações organizadas por eles e pelo MST que se registram episódios de violência, sendo que em um deles resultou na morte de um cinegrafista de televisão. Nós da oposição, especialmente os setores da direita da oposição, dispensamos esse conselho seu, senhora presidente: não, não precisamos de conselhos seus sobre como fazer manifestação pacífica, pois isso já sabemos e é isso que defendemos. Melhor a senhora dirigir esse conselho aos militantes de seu partido, o PT. Pois é a esquerda quem promove manifestações violentas no país, e não nós. 

Hoje estaremos nas ruas para defender o fim de seu governo, o pior que o país já teve, e faremos isso de maneira pacífica e ordeira. Dispensamos, portanto, os seus conselhos. Guarde-os para a senhora e para seu partido.
Comentários
0 Comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UOL Cliques