quinta-feira, 12 de março de 2015

Como CUT, MST e petistas em geral projetam nos outros sua mania de mamar


Imagem: Reprodução Redes Sociais
Por Marcus Vinicius Motta

A CUT, braço da pelegagem sindical do PT, vai organizar um ato em São Paulo no dia 13 de março. Chamam de ato "em defesa da Petrobras", mas trata-se mais de um ato em defesa da pilhagem na Petrobras.

Essa gente gosta de acusar os outros de tudo. Recentemente disseram que o panelaço contra o discurso mentiroso da Dilma no dia 8 de março foi "patrocinado por partidos" e também afirmam que os protestos do dia 15 serão "pagos" com "doações ilegais".

Antes de mais nada essa gente que não faz nada sem receber alguma coisa em troca, essa súcia que tem uma "ideologia" bastante lucrativa, não consegue sequer acreditar que tenha gente que se envolva em política sem levar 10%, algum cargo comissionado, alguma boquinha ou mesmo um pão com mortadela.

Depois, ato contínuo às suas acusações contra os outros, um desses pelegos-em-chefe da CUT anuncia num blog da rede petista na internet que vão "fretar 400 ônibus" para levar gente até São Paulo para promover a "guerra" convocada por Lula.

Cabe a pergunta: de onde sai esse dinheiro? Quem vai bancar a estrutura do protesto chapa-branca a favor? Os filiados aos sindicatos que a CUT controla - e que são tungados compulsoriamente para fornecer ervanário para a pelegada - concordaram que o seu dinheiro seja usado para fazer guerra política suja em nome dos chefões do lulopetismo?

Enfim, esse é o Brasil do PT: o ladrão vai na delegacia querer prender a vítima e ainda toma o táxi com o dinheiro dela.
Comentários
0 Comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UOL Cliques