domingo, 8 de março de 2015

As mentiras de Dilma tiveram seu preço: ela é vaiada nas ruas de ao menos 4 capitais durante pronunciamento


Imagem: Wilton Jr./AE/VEJA
Por Luciano Ayan

Foram tantas mentiras, mas tantas mentiras que o povo não aguentou. Depois do pronunciamento grotesco de Dilma à TV, conforme a Folha, ela foi vaiada nas ruas de ao menos 4 capitais no momento da transmissão:
Durante a fala, motoristas fizeram buzinaços em São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Curitiba.
Em São Paulo, nas janelas dos prédios, moradores batiam panelas, xingavam a presidente, enquanto piscavam as luzes dos apartamentos. No bairro de Pinheiros, zona oeste, as buzinas e gritos da "Fora, Dilma!" e "Fora, PT!" começaram assim que foi ao ar o pronunciamento, e duraram até três minutos depois do final da transmissão. As pessoas gritavam das janelas dos prédios, principalmente, mas também de dentro dos carros.
No Rio, gritos e vaias durante o pronunciamento da presidente foram ouvidos em diversos bairros, como Copacabana, Leme (na zona sul), Méier, Tijuca (bairros de classe média da zona norte), Santa Teresa (centro) e Barra da Tijuca, bairro nobre da zona oeste. Em alguns locais, segundo relato de moradores, pessoas saíram às janelas batendo panelas e motoristas que estavam nas ruas buzinavam durante o discurso de Dilma na TV. Na Barra, os protesto foi mais intenso e, em vários prédios e condomínios, moradores se manifestaram contra a presidente.
Em sua fala, Dilma chamou o ajuste fiscal em curso de "travessia". Negou que irá "trair" a classe média e os trabalhadores, mas anunciou que todos pagarão pelas medidas. "Absorvemos a carga negativa até onde podíamos e agora temos de dividir parte deste esforço com todos os setores da sociedade." 
Pois é, meu amigos, dia 15/3 está chegando:

Comentários
0 Comentários
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

UOL Cliques